Medidor de vazão de turbina DOT
para águapara combustívelDN 32 mm (1"1/4)

medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
medidor de vazão de turbina
Guardar nos favoritos
Comparar
 

Características

Tecnologia
de turbina
Fluido
para água, para combustível
Diâmetro da tubulação
DN 32 mm (1"1/4), DN 25 mm (1"), DN 50 mm (2"), DN 15 mm (1/2"), DN 100 mm (4"), DN 80 mm (3"), DN 40 mm (1"1/2), DN 225 mm (9"), DN 20 mm (3/4"), DN 90 mm (3"1/2), DN 65 mm (2"1/2), DN 275 mm (11"), DN 300 mm (12"), DN 250 mm (10"), DN 125 mm (5"), DN 150 mm (6"), DN 175 mm (7"), DN 60 mm (2"1/4), DN 200 mm (8")
Instalação
em linha, flangeado
Material
em aço inoxidável, em aço
Comunicação
4–20 mA, com saída de pulsos, com saída digital
Tensão de alimentação
24 Vcc, 12 Vcc
Grau de proteção
IP67, IP66, IP55
Outras características
contador
Vazão volumétrica

MÁX: 2.700 m³/h
(95.349,6 ft³/h)

MÍN: 0,1 m³/h
(3,5 ft³/h)

Temperatura de processo

MÁX: 120 °C
(248 °F)

MÍN: 0 °C
(32 °F)

Pressão de processo

250 bar
(3.625,94 psi)

Precisão

0,5 %

Repetibilidade

0,02 %

Descrição

O medidor de caudal de turbina modelo DOT consiste num rotor de turbina de forma helicoidal apoiado em dois rolamentos de carboneto de tungsténio, sendo o rotor de aço inoxidável ferrítico sólido de um grau compatível com o líquido medido, tudo contido numa caixa de aço inoxidável não magnético. Uma bobina de recolha com um núcleo magnético permanente é montada na caixa adjacente às pontas das pás do rotor, de modo a estabelecer um circuito magnético através das pás do rotor. A rotação do rotor varia a relutância deste circuito magnético e as alterações de fluxo induzem uma pequena tensão na bobina, cuja frequência é diretamente proporcional à velocidade do rotor e, por conseguinte, proporcional ao caudal volumétrico. Os efeitos do aumento da viscosidade reduzem a gama de caudal linear e alteram o fator k. Além disso, o efeito da viscosidade depende da frequência (RPM dos rotores). Por conseguinte, quanto mais pequeno for o medidor, maior será o efeito da viscosidade na curva de linearidade.

---

Catálogos

Feiras de negócios

Próximas feiras onde poderá encontrar este fornecedor

ACHEMA 2024
ACHEMA 2024

10-14 jun 2024 Frankfurt am Main (Alemanha)

  • Mais informações

    Outros produtos KOBOLD Messring GmbH

    FLOW

    * Os preços não incluem impostos, transporte, taxas alfandegárias, nem custos adicionais associados às opções de instalação e de ativação do serviço. Os preços são meramente indicativos e podem variar em função dos países, do custo das matérias-primas e das taxas de câmbio.